Sensibilidade e medo das crianças com os fogos de artifício no Ano Novo, o que fazer?

As crianças adoram as festas de fim de ano. As férias, os presentes, a ceia… Tudo isso tem um sabor ainda mais especial na infância. No entanto, para as crianças menores algumas coisas podem atrapalhar esse momento. São os fogos de artifício no Ano Novo.

Saiba o que fazer para aliviar o medo das crianças nessa hora.

Deixe que as crianças se sintam seguras

Em primeiro lugar, não subestime o medo da criança. Lembre-se que você também tem medo em algumas situações e não é legal quando alguém menospreza o que você sente. Se a criança for maior converse com ela para explicar que não tem nada de mais acontecendo nesse momento.

Fale que você está ali com ela e que nada de ruim vai acontecer. Isso ajuda a criança a ter mais segurança e alivia o medo que ela sente.
Você pode também criar um espaço acolhedor dentro de casa, aumentando o volume da televisão e deixando um som ambiente no local. Brincar com a criança para que ela se distraia também pode ser uma boa opção.
Não force a criança a ver os fogos de artifício ou ficar perto de onde estão soltando rojões durante o Ano Novo. Respeite o espaço dela e fique ao seu lado.

Se não tiver como manter ela afastada do barulho, você pode recorrer aos protetores de ouvido.

Mostre vídeos de fogos de artifício antes da festa

Uma dica importante é familiarizar a criança com aquilo que ela tem medo. Antes da chegada das festas mostre vídeos de queima de fogos e explique para ela o que vai acontecer na noite de Ano Novo.

Se ela estiver preparada e entender que aquele barulho será normal, há menos chances de ela se assustar nesse momento.

Como as crianças não conseguem ainda diferenciar elementos da fantasia e da realidade é importante que você ajude ela a compreender o que está se passando. No entanto, oriente sempre para que a criança não fique perto dos rojões, para evitar acidentes.

Veja se a criança não tem algum tipo de sensibilidade auditiva

Outra atitude importante é levar a criança a um otorrinolaringologista para verificar se a criança não possui algum tipo de sensibilidade no ouvido.

Os bebês menores, mesmo que ainda não tenham como demonstrar situações de medo, também podem se incomodar e se assustar com o barulho. Se a criança chorar ao ouvir barulhos de fogos de artifício tire ela do local e leve-a para um ambiente silencioso.

Lembre-se que o som forte dos fogos pode causar até mesmo danos na audição, portanto, não é frescura se você afastar o seu filho nesse momento.

O medo é um sentimento comum de autoproteção, ainda mais na infância, e não adianta pedir que a criança não o sinta. É importante respeitar o medo dela e ajudá-la a lidar melhor com a situação. No entanto, se você perceber que o medo está saindo de controle e impedindo a criança de fazer algumas coisas no dia-a-dia, procure a ajuda de um especialista para identificar os motivos desse comportamento.

Se você gostou desse artigo, acompanhe as novidades em nossas redes sociais.

Links Relacionados

Dicas de alimentação para o seu bebê de até 1 ano

Dicas para aliviar a cólica do bebê

Qual é a melhor banheira para o bebê